Sauber C31, Red Bull RB8 e primeiro dia de testes em Jerez

Salve salve amigos fãs de F1, hoje finalmente começou a pré-temporada de 2012. Depois de meses de espera, os motores finalmente voltaram a roncar, os carros voltaram a dar voltas na pista e aquela listinha com o tempo de cada um voltou a aparecer, mesmo que seja ainda tudo muito provisório. Como estou numa grande correria não consegui atualizar o blog ontem com os 3 carros lançados lá na Espanha (Sauber, Red Bull e Toro Rosso) e hoje ainda lançaram a Williams, então pra não ficar tão carregado de coisas, vamos por partes: hoje vou falar da Sauber, da Red Bull e do primeiro dia de testes. Amanha eu completo com os carros faltantes e os testes de amanha!

Felipe Massa não foi bem nos treinos de hoje

Começando pela equipe Suiça, Peter Sauber mostrou ontem logo cedo o seu C31 para esse ano de 2012. O carro é mais um que vem com o degrau no bico, moda que toma conta da F1 em 2012. Vale destacar que o bico se parece bastante com o bico da Ferrari, ou seja, sem nada muito abaulado no meio e sim uma pequena rampinha ali. A traseira do carro parece levemente maior também, mas, em termos de design, acho que são as mudanças mais fáceis de ver, o resto é muito parecido com o C30 do ano passado. Quanto à pintura, o carro agora apresenta muitas partes em cinza como o bico e asas traseiras, e se não lá a pintura mais bonita do mundo, está longe de ser horrorosa. Só fica aquela impressão que o bico foi todo moldado em Durepoxi. Mais uma vez a equipe do carequinha pão duro vem com motores e cambio da Ferrari, uma parceria que ajuda a manter Sergio Perez no time. Aliás, falando em parceria, a outra parceria que mantém o mexicano no time, com o Carlos Slim, não tem me parecido tão empolgante. Apesar do patrocínio da Claro (que é do Slim, homem mais rico do mundo) achei que a parceria fosse render frutos mais rapidamente,  com alguma injeção boa de dinheiro, mas aparentemente isso não está acontecendo.

O novo C31 da Sauber

Eu to falando aqui das parcerias que ajudam a manter Perez na Sauber mas a verdade é que ele não precisa de tudo isso. A Sauber está muito bem servida de pilotos por sinal. Além do promissor Perez, que já tem vínculo com a Ferrari (uma boa temporada esse ano já o coloca nos carros vermelhos ano que vem), o time suíço tem também o grande mito Kobayashi, um dos melhores japoneses que apareceram na F1. O problema é que já ta na hora do Koba se mostrar constante e brigar por uma vaga numa equipe um pouco melhor. Peter Sauber, sempre comedido, falou que a meta da equipe é botar seus pilotos mais vezes nos pontos, mas na verdade, sua briga mesmo é com a Force India, sendo que os indianos estão ainda meio degrau a frente. Mas, não sei se pela cultura, ou maneira que Peter conduz a equipe, parece faltar um pouco de ousadia, otimismo e vontade de vencer, as coisas na Sauber são sempre meio brochantes. Enfim, é uma equipe que vai fazer pontos, com pilotos que merecem muito que fiquemos de olho.

O novo carro visto de costas

E ontem surgiu também o grande vilão da temporada, o carro a ser batido e tudo mais, o RB8 da Red Bull. E nem o mestre Adrian Newey fugiu do famoso degrauzinho no bico. Horroroso como sempre. Mas dessa vez teve algo de novo: tem uma entrada de ar no degrau! Qual é a sacada disso eu não sei, mas já especularam que seria pra refrigerar o KERS (lembrem que a Red Bull teve problema com o KERS ano passado). Mais uma vez a equipe vem com os motores Renault, mas dessa vez a equipe é o principal cliente da montadora francesa, praticamente como se fosse a equipe de fábrica. Todos os seus esforços futuros serão em cima dos touros vermelhos, que por questões de marketing, não usam o logo da Renault, mas sim o da Infiniti (marca do grupo Renault).

Ilustração do RB8 mostrada ontem, com a entrada de ar no degrau

Quanto às chances da equipe e os pilotos não tenho nem o que falar. A Red Bull é bi-campeã mundial, assim como Vettel, e vêm de uma temporada arrasadora. Acho até que será bem difícil repetirem o desempenho do ano passado (inclusive torço pra isso), mas o trio Vettel-Red Bull-Adrian Newey é o grande favorito. Já Webber tem um ano decisivo pela frente. Teve sua grande chance de ser campeão em 2010, não conseguiu, sentiu o golpe e tem tudo pra sair da equipe no fim do ano, provavelmente se aposentando. Só continua se a dupla da Toro Rosso for muito mal, e ninguém se mostrar a altura pra substituir o experiente australiano. De resto, provavelmente ouviremos muito o hino da Alemanha seguido do hino da Áustria esse ano.

E hoje começou a pré-temporada, com treinos em Jerez de La Frontera. Das 12 equipes, apenas a Marrusia não está treinando, e Mercedes e HRT estão com o carro do ano passado. Ambas devem levar seus carros para a próxima seção entre 21 e 24 de fevereiro em Barcelona. Se muito se questiona os resultados de pré-temporada, onde cada um testa na condição que quer, pior ainda é esse primeiro dia. É praticamente um shake-down, pra ver se os carros ligam, se funcionam mesmo e sempre tem algumas quebras. As principais foram da Caterham e Williams. O destaque acabou ficando para Kimi Raikkonen, que, em sua volta a F1, fez o primeiro tempo com a sua Lotus. De resto, bom tempo do Di Resta, Massa mal, apenas em nono e Webber se recuperando durante a tarde. Outra coisa interessante de mencionar, indo para o seu terceiro ano de vida, pela primeira vez a HRT participou de um teste de pré-temporada, ainda com carro antigo, mas participou. E deve levar o novo F112 já pra próxima seção.  Simpatizo com os espanhóis. Só pra constar, ai vão os tempos de hoje:

1 – Kimi Raikkonen (FIN/Lotus-Renault) – 1m19s670 (73 voltas)
2 – Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) – 1m19s772 (101)
3 – Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1m20s219 (56)
4 – Mark Webber (AUS/RBR-Renault) – 1m20s496 (52)
5 – Daniel Ricciardo (AUS/STR-Ferrari) – 1m20s694 (57)
6 – Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – 1m20s794 (41)
7 – Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) – 1m21s353 (106)
8 – Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) – 1m21s530 (60)
9 – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1m22s815 (69)
10 – Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault) – 1m23s178 (28)
11 – Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) – 1m23s371 (25)
12 – Pedro de la Rosa (ESP/HRT-Cosworth) – 1m23s676 (42)

Kimi Raikkonen voltou a F1 em grande estilo e liderou o treino de hoje

Bom, vou ficando por aqui. Amanha, entre as confusões da minha mudança e o jogo do Vasco eu falo de Toro Rosso, Williams e mais um  dia de treinos. Boa noite para todos…

Sobre Pedro Horta

Engenheiro Mecânico que dá pitacos sobre F1, mas tb apaixonado por esportes, principalmente futebol, e uma boa cerveja!
Esta entrada foi publicada em Carros 2012 com as etiquetas , , , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s